A Natureza da Luz e o Boudoir

 

Luz é o que cria uma imagem. E uma boa iluminação pode aumentar os recursos para conseguir lindas imagens da sua modelo, escondendo falhas. Se a sua iluminação e direção são boas, sua fotografia boudoir vai ser ótima. Tal como acontece com todos os outros estilos de fotografia, revistas e filmes podem ser grande inspiração. Fotografia de moda é um recurso incrível para a luz e poses. Se você vê algo que parece ótimo, pode tentar descobrir como ele foi feito.  A grande sacada é estar constantemente experimentando e praticando, pois assim você consegue chegar a bons resultados. Amplie seus horizontes e experimente algo novo. Não ter medo de quebrar as regras, as vezes nos ajuda a conseguir lindas imagens.

 

“Qualidade de luz” expressa como a luz pode melhorar e embelezar uma cena ou modelo. Podemos trabalhar com uma luz mais suave (soft) ou uma luz mais agressiva (dura). Luz suave é conseguida por uma fonte de luz que é grande em comparação com o assunto ou difusores são colocados a frente da luz. Dito isto, uma fonte de luz que é tem 1 ou 2 metros de altura pode ser pequena em comparação com a modelo, mas se a fonte de luz estiver à 3,5 ou 4,5 metros de distância, a luz desempenha um grande papel produzindo sombras suaves e bordas degradê.

Uma luz mais próxima da modelo e sem um difusor ou algo similar, produz uma luz dura, sombras mais fortes e bastante contraste. O melhor exemplo do que é considerado  “ruim” é o flash de uma câmera “point-and-shoot”. Esse flash causa uma luz dura sem tridimensionalidade, ficando uma foto chapada sem sombras.   Temos que começar a ver e interpretar a luz a nossa volta, e como podemos modifica-la ao nosso favor. Tudo que você pode refletir a luz é bem vindo para auxiliar na criação, incluindo paredes, tetos, um pedaço de papel, ou um tecido branco.

 

Outro aspecto da qualidade da luz é o espectro de cores que uma fonte de luz transmite. Você precisa estar muito atento ao tipo de luz que esta usando, pois cada um tem sua particularidade e pode modificar bastante o resultado desejado. Caso esteja fotografando ao ar livre, você não tem muita escolha, pois o sol é sua única fonte de luz. O máximo que pode fazer é modificar a luz com rebatedores ou difusores. Quando está fotografando em estúdio, as fontes de luz de flash reproduzem a mesma escala de graus Keivin do sol (entre 5.000k a 5.500K), mas caso queira fotografar com lâmpadas de tungstênio, vai obter uma luz mais amarelada na escala de 2.500K. Luzes fluorescentes produzem uma luz mais esverdeada ou azulada, fiquem atento com isso, pois, por mais que resolvemos muitas coisas na pós produção, às vezes nunca fica igual ao que realmente queremos.

 

Lembre-se que a luz é a alma da fotografia. Sem luz não temos imagem alguma. Por isso crie, faça testes com várias fontes de luz, faça foto de pessoas com luz halogênia, tungstennio e flourescente para ver a diferença entre elas. Somente assim é possível entender a natureza da luz e suas propriedades.

Please reload

Featured Posts

100 dicas de fotografia para inspirar e motivar

June 26, 2015

1/2
Please reload

Recent Posts

April 17, 2016

Please reload

Search By Tags
Follow Us
  • Facebook Classic
  • Twitter Classic
  • Google Classic