Os 7 (Sete) Mitos da Boa Fotografia

December 23, 2015

 

Fotografia é uma arte que exige muito estudo, paciência, dedicação e treino. Tenho buscado ao longo do tempo informação e conhecimento em diversas areas a fim de aprimorar a tecnica e a sensibilidade que um fotografo precisa para criar um trabalho justo e perfeito, seja através de vídeos, livros, blogs, vlogs, ouvindo e vendo grandes e consagrados fotografos do mercado e da posteridade. 

Durante esta jornada do conhecimento, entre cursos e palestras comecei a colecionar verdadeiros mitos da boa fotografia, ou seja, ditas verdades que nao se traduzem em praticas que geram um resultado de qualidade e que atendem as nossas expectativas e quem diga a de nossos clientes. 

 

1) A máquina faz diferença – Muitos profissionais ainda acreditam que os ultimos lançamentos tecnológicos das mais renomadas marcas de cameras fotograficas, vão influenciar diretamente na qualidade de seu trabalho. É claro que existe uma limitação técnica em cada equipamento, mas pense bem, a camera lançada a dois ou tres anos atras, nao era a top de linha que produzia as melhores fotos e hoje é a camera de entrada? Faz parte da habilidade profissional do fotografo extrair os melhor e preciosos recursos de seu equipamento, usando de técnicas e artifícios se necessários para produzir sua arte, as fotos mais renomadas que ilustram livros e galerias de arte foram feitas com equipamentos dezenas de vezes aquém da tecnologia que existe hoje.

 

2) Boas fotos só são possiveis com lentes de grande abertura (1.2, 1.4 ou 2.8). Engana-se quem pensa que quanto mais clara a lente melhor o resultado da foto, isto só é verdade quando voce realmente precisa tecnicamente desta configuração, até porque quanto maior a abertura, maior o desfoque e menor a DF.  Em condições de pouca luz, uma lente com grande abertura facilita e muito o fotografar, mas o verdadeiro fotografo que sabe configurar seu equipamento e usando habilidades e acessórios é detentor das tecnicas necessárias para uma excelente foto com qualquer equipamento.

 

3) Pouca iluminação requer sempre o uso do flash. O automatismo de fotografar domina a prática de muitos fotografos, que pela inexistência de conhecimento técnico dos pilares da fotografia, não conseguem bons resultados em condições de baixa luminosidade. Hoje o dominio do modo M e dos elevados ISOs que os equipamentos detém, proporcionam cada vez mais a possilibidade de se fotograr com pouca luz sem o uso do flash. O flash é um acessório fantástico, que dá a possibilidade do fotografo criar efeitos e tons de luminância trazendo nuances e sombras que enobrecem sua arte.

 

 

4) Quanto mais megapixels melhor a foto. Lembro-me das primeiras cameras digitais com 1 megapixels e suas fotos fantásticas, depois vieram as sensacionais 2,3, 5, 10 e por que não dizer das 50 megapixels de hoje em dia. A quantidade de pixels nao melhora sua foto, imagine que voce pudesse pegar uma imagem e cortar em 2, ou tres ou quatro ou em milhoes de pedaços e depois juntar tudo como era antes sem emendas, isto faria da sua imagem melhor.?Com certeza não, mas se voce deseja, ampliar sua imagem em tamanhos colossais para a impressão de um grande painel, banner ou outdoor, ai sim a quantidade pixels pode fazer a diferença mas ainda assim eram feitos com cameras com menos megapixels, tudo é uma questão de técnica e conhecimento.

 

5) Photoshop transforma tudo numa bela foto.  O photoshop, lightroom ou qualquer ou software de edição com certeza possibilita a edição e manipulação de imagens com bons resultados, assim como uma boa maquiagem, um boa iluminação, um bela modelo, um bom design do produto, mas a essência da arte fotográfica está na composição, enquadramento, estilo, inovação e conhecimento do fotografo na hora do click. Uma boa foto pode ficar melhor ainda com alguns recursos de edição, mas uma má foto dificilmente conseguirá expressar a beleza do retratar atraves de manipulação digital, até porque ai o resultado não é o que foi fotografado, trata-se apenas de uma ilustração.

 

6) A boa foto depende de uma bela paisagem ou linda modelo. Quem estuda um pouco

de arte, seja fotografia, pintura, artes cênicas, etc sabe perfeitamente que os conceitos de belo mudam todos os dias, olhe nas ruas carros com 10 anos de uso e pense bem, nossa e eu que achava isto bonito.  A beleza da foto é subjetiva e é conquistada pelos olhos de quem a vê e admira a arte de registrar com a luz os fatos, as pessoas, os lugares e os momentos. Já dizia o poeta, a beleza é efemera.

 

 

7) A sorte é priomordial para o click certo no lugar certo na hora certa. Muitas belas fotos é efeito do causuismo, do acaso, como dizem da sorte, mas são poucos exemplares da fotografia. Nao podemos colocar a máquina no tripé ou carrega-la no pescoço esperando o fato sensacional acontecer diante dos nossos olhos para registra-lo. A fotografia é um conjunto de técnicas bem elaboradas e com um planejamento adequado, cercada de equipamentos e pessoas em prol da arte. Os mais belos trabalhos são fruto de muita dedicação, esforço, tentativas, erros, tempo, dinheiro, que traz a felicidade e a tristeza de nossos resultados. Não espere a foto ideal acontecer, vá atras da melhor foto, ela espera por você.

Please reload

Featured Posts

100 dicas de fotografia para inspirar e motivar

June 26, 2015

1/2
Please reload

Recent Posts

April 17, 2016

Please reload

Search By Tags
Follow Us
  • Facebook Classic
  • Twitter Classic
  • Google Classic